[CURSOS][bsummary]
[ANDROID][bleft]

O ninho de Google entregou dados mais de 300 vezes aos governos


Recentemente, vimos o lançamento do Google Home Hub que veio integrado com o Google Nest - um inteligente recurso de vigilância em casa. Embora a ideia de uma casa inteligente pareça estimulante, você pode querer pensar duas vezes, pois os dados coletados da vigilância também podem ser acessados ​​por órgãos do governo.
Um relatório recente da Forbes revela que, desde 2015, a Nest Labs pediu mais de 300 vezes para entregar dados de vigilância a governos e agências de inteligência.
Após a aquisição do Nest Labs pelo Google, os relatórios de transparência divulgados pela empresa mostram que quase 60 pedidos de dados foram recebidos no primeiro semestre deste ano. Na verdade, o governo tem procurado dados para 525 diferentes titulares de contas da Nest desde 2015.
Os relatórios de transparência emitidos pela Nest não são tão detalhados quanto o Google ou outras grandes empresas, como Facebook, Microsoft e Twitter. Não há números específicos em solicitações de dados, exceto para gráficos de barras em termos de porcentagem.
Também está claro que Nest fornece informações em vários casos, mas, na maioria dos casos, isso não acontece. Nos primeiros seis meses deste ano, a empresa entregou dados em menos de 20% dos casos.
Este número é, até agora, o menor para a subsidiária da Google desde que começou. Em 2015, as estatísticas subiram para 60% no segundo semestre.
Outro ponto digno de nota é que a empresa ainda não recebeu uma Carta de Segurança Nacional. As NSLs geralmente são arquivadas por agências de inteligência sempre que estão procurando dados da empresa.
Tais mandados também vêm com uma ordem para evitar que as empresas aprendam sobre sua própria existência. Então, isso significa que, se a Nest remover um aviso de isenção que diz que não recebeu um NSL, isso implicaria que a empresa recebeu um.



0 comentários via Blogger
comentários via Facebook

Nenhum comentário :